Ampliação do aterro sanitário de Jaguapitã

A geração de resíduos sólidos vem crescendo a cada dia, em Jaguapitã a estimativa é que seja produzido cerca de 9 toneladas por dia de “lixo doméstico”.

A antiga vala que era usada foi totalmente preenchida neste mês de maio, a mesma teve uma vida útil de 8 anos, mas a estimativa era para durar 20 anos.

Acontece que a grande quantidade de resíduos recicláveis que foram depositados foi grande no passado. Por esse motivo a Secretaria de Meio Ambiente vem tomando medidas para conscientizar a população a separar o reciclável.

Assim, foi inaugurada no dia 12 de maio de 2014, a primeira parte da vala de resíduos, a mesma possui sistemas para prevenir a contaminação do solo e água, contém drenos para captação de chorume e recirculação, geomembrana no solo e dreno de gás, todo ano é feito análises de água próxima a aterro para monitoramento.

A prefeitura de Jaguapitã tem a preocupação de cuidar do meio ambiente e fazer uma gestão sustentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *