Carro de Astrid Fontenelle é baleado e apresentadora escapa de assalto

Astrid Fontenelle escapa de assalto em São Paulo. Bandidos acertaram ao menos seis tiros no carro da apresentadora, que é blindado

Astrid Fontenelle passou por um susto na quinta-feira, 26. De acordo com o programa Domingo Espetacular, da Record, a apresentadora foi vítima de assaltantes no bairro de Vila Andrade, próximo ao Morumbi, área nobre de São Paulo, quando estava no banco de trás de seu carro, que era guiado por um motorista particular.

Quando o motorista passou pelo cruzamento das ruas Deputado Laércio Corte e Doutor Mario Watanabe, dois homens se aproximaram de moto. O funcionário de Astrid tentou acelerar, e, antes de fugir, os bandidos conseguiram acertar ao menos seis tiros no carro da apresentadora, que felizmente é blindado, evitando que ela ou o motorista se ferissem ou que algo fosse roubado. O caso foi registrado no 89ª Delegacia de Polícia, no Portal do Morumbi, que confirmou a ocorrência, mas não deu maiores detalhes.

“Hoje tive muito medo”

Em seu Instagram, sem mencionar o assunto, a apresentadora fez uma postagem sobre a fé. “Todos temos medo de alguma coisa. Hoje tive muito medo. Mas eis que abri meu livrinho de orações justo nessa página – uma oração para ser liberto do medo. A oração termina com uma citação de Timóteo :’pois Deus não nos deu o espírito da covardia, mas sim de poder, de amor e de equilíbrio’. Que Deus abençoe as pessoas de Fé #amaradeussobretodasascoisas”, comentou.

No dia seguinte, Astrid demonstrou estar recuperada do susto, em uma segunda postagem, em que também não menciona o caso. “Bom dia pra você que como eu acorda com o espírito de fazer melhor!! Eu sou assim!!!! Hoje vai ser muito melhor do que ontem!!! #gabrielseminstagram é meu guia! #quemtemféreage”, explicou.

Procurada por CARAS Digital para comentar o susto que passou, Astrid preferiu não se pronunciar para poupar o filho, Gabriel, do susto. “Eu não quero falar… Espero que entenda. Passou! Não quero que meu filho saiba, então quanto menos melhor”, limitou-se a comentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *