Sobrevivente de acidente aéreo em Taiwan ligou para o pai após sair de destroços sozinha

Uma mulher de 34 anos que está entre os dez sobreviventes do voo GE222 da TransAsia Airways, que caiu em Taiwan, ligou para o pai depois de sair sozinha dos destroços da aeronave para pedir socorro. O acidente, na ilha de Penghu, matou 48 pessoas.

Segundo a Associated Press, Hung Yu-ting conseguiu escapar por um buraco na fuselagem que foi aberto depois de o avião colidir com casas ao tentar aterrissar. Ela teria usado o telefone de uma casa próxima para falar com o pai.

“Ela me disse que o avião tinha caído e explodido, mas que já tinha se arrastado para fora e que eu tinha de buscá-la”, disse Hung Chang-ming, pai da passageira sobrevivente. Ele mora a poucos metros de onde ocorreu o acidente.

Apesar de o pai ter ido até o local, Hung já tinha sido levada por socorristas. O pai de Hung acabou ajudando no resgate às demais vítimas e a apagar o fogo no local, antes de encontrar a filha no hospital.

O voo GE222 levava 54 passageiros e quatro tripulantes de Kaohsiung para Magong, na ilha de Penghu, onde foi feita uma tentativa de pouso de emergência. O avião, um ATR-72, deveria ter saído de Kaohsiung às 16h (horário local), mas decolou somente às 17h43 por causa do mau tempo na região, afetada pelo tufão Matmo.

Ao chegar na ilha, a primeira tentativa de descida falhou, e o piloto pediu para realizar uma segunda tentativa. Em seguida, a torre de controle perdeu contato com a aeronave.

Investiga-se a possibilidade de o acidente estar ligado às intempéries provocadas pelo tufão Matmo, que havia passado por Taiwan e Penghu na manhã desta quarta-feira, com fortes ventos e chuvas.

 

Fonte: UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *